Médica é agredida e xingada ao negar atestado a paciente em UPA

Médica é agredida e xingada ao negar atestado a paciente em UPA

10
SHARE

Médica é agredida e xingada ao negar atestado a paciente em UPA
Uma médica de 33 anos foi agredida e xingada ao recusar um atestado a uma paciente. O caso ocorreu na noite desta terça-feira (25), na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Almeida, em Campo Grande.
 
Conforme informações do registro da ocorrência, a médica contou que estava finalizando o atendimento a paciente Gleicy Sarati Cardoso, 39 anos, quando a mulher lhe pediu um atestado.
 
A médica se negou a confeccionar o documento a paciente, pois “não viu necessidade”. Diante da negativa, a paciente teria desferido um tapa no rosto da médica, a empurrado e xingado de “vagabunda, inútil”.
 
A servidora pediu por socorro e guardas da UPA algemaram a mulher até a chegada da polícia. Aos policiais, Gleicy negou as acusações, porém confirmou que “a desmereceu por ter sido tratada com desdém”.
 
O caso foi registrado como vias de fato e desacato a servidor público no exercício do função. Agressão Médica é agredida e xingada ao negar atestado a paciente em UPA Médica é agredida e xingada ao negar atestado a paciente em UPA Uma médica de 33 anos foi agredida e xingada ao recusar um atestado a uma paciente. O caso ocorreu na noite desta terça-feira (25), na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Almeida, em Campo Grande….

Continue Reading ➤
Loading...